Lifting de Coxas

É por meio da dermolipectomia ou lifting de coxa ou cirurgia plástica de coxas que é possível retirar a quantidade excessiva de pele que surge nas coxas em razão de grande alternância de peso, envelhecimento, gravidez, entre outras. Se também for identificado acúmulo de gordura, pode ser associada a lipoaspiração.

O lifting de coxa auxilia a remodelar especialmente a região interna da coxa, mas também pode ajudar na parte lateral (região dos culotes). A Anestesia é peridural. Em casos especiais, pode ser utilizada a anestesia geral. O procedimento dura, geralmente, duas horas e a cicatriz varia de acordo com a técnica escolhida.

Nosso Diferencial

• Todas as nossas cirurgias são realizadas por uma equipe completa – composta pela Cirurgião principal, Cirurgião auxiliar, anestesista e instrumentador. Todos com excelente formação, anos de experiências, e membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
• Além de equipe composta por profissionais qualificados, só realizamos nossas cirurgias em ambiente hospitalar com CTI e centro cirúrgico com equipamentos modernos para melhor atendimento, segurança e conforto do paciente.
• Sempre solicitamos avaliação completa pré-operatória, com exames de sangue, exames de imagem e risco cirúrgico (parecer clínico e/ou cardiológico)
• Já realizamos mais de 600 cirurgias nos últimos 3 anos.

Perguntas Frequentes

Conheça as dúvidas mais comuns sobre este procedimento.

Não. O procedimento é mais indicado para quem perdeu peso e tem a pele da região flácida e caída.

A parte mais importante da recuperação dura duas semanas, mas a recuperação total varia entre oito e doze semanas.

Os resultados serão de longa duração se você mantiver seu peso e seguir com um programa de atividade física e alimentação adequada. 

O lifting de coxa dura aproximadamente 90 minutos.

A pele excedente é retirada e a que sobra é ajustada para dar um novo contorno para a sua coxa.

Você verá uma mudança imediata após a cirurgia dependendo do quanto de pele foi removido. Você também notará o novo contorno da região, mas o resultado final poderá ser visto assim que inchaço desaparecer.

É necessário repouso relativo domiciliar por no mínimo cinco a sete dias. Deve-se lavar a região operada com água e sabão e manter sempre seca para evitar infecção ou fungo. Evitar abrir muito as coxas, pois os pontos ficam na parte interna da coxa e podem se abrir se forçar muito.

Deve-se evitar tabagismo 1 mês antes e depois da cirurgia até que a cicatrização esteja mais resistente ao movimento das coxas. É possível andar já no dia seguinte da cirurgia, mas sempre mantendo as coxas fechadas para não forçar a cicatriz. Pode trabalhar sem esforços, se não tiver intercorrência ou complicação, a partir de cinco a sete dias.

Embora raro, após o lifting de glúteos pode ocorrer sangramento, infecção, abertura dos pontos, entre outros. Complicações são mais comuns em tabagistas.

Dra. Ana Borba Leite

Graduada em medicina pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), com residência médica em Cirurgia Geral e Cirurgia Plástica pelo Hospital Federal de Ipanema (HFI). Também sou membro especialista da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – SBCP.

Atualmente, atendo em meu consultório localizado no centro do Rio de Janeiro.

Realizo constantes cursos de atualização e participo de importantes congressos na área médica no Brasil e em outros países.

Conheça a estrutura da Clínica